Sobre mudanças sutis…

Pela primeira vez, hoje, eu não acordei com mal estar…. já fazia um bom tempo que enquanto eu estava bebendo e fumando maconha eu acordava todos os dias passando mal, tipo com um mal estar…. e hoje pela primeira vez eu acordei me sentindo bem. Eu nem percebi que tava bem, quando fui acender o primeiro cigarro do dia é que eu reparei “Nossa! Não passei mal hoje!” fiquei chocada.

Além disso quando escuto minhas músicas do spotify eu não vejo mais graça nelas… sabe, aqueles raps que eu ouvia fumando um BOWBOWBOW achando mó onda mó demais e tals? pois é…. acho um saco agora. Não sei mais o que ouvir. Acho todas as músicas do Spotify sem graça.

Os louvores da Universal eu ainda gosto de meia dúzia. Mas vamo combinar né, ficar ouvindo louvor também é chato. Música…. som… animar… não gosto mais de nada…

Outra coisa… pra estudar… quando eu estudava ano passado eu me drogava estudando… eu tinha que pegar pesado nos estudos, estudar uma porrada de matéria, que é um puta saco, tem que ter muita paciência, se esforçar pra caralho, e eu fazia isso com uns beques no meio… agora que tenho que fazer isso de cara eu simplesmente não tenho saco pra sentar a bunda na cadeira e ficar lá ouvindo “o artigo tal, parágrafo tal, inciso tal, alínea y” bla bla bla …. puta mano… que raiva… eu simplesmente acho um saco. Até que quando eu estava morando na casa do meu primo eu não podia fumar um na casa dele e eu pegava a matéria e estudava mesmo… e tinha toda quinta feira que eu ia meter o pé na jaca bebendo com meus amigos… e acabava me jogando na quinta e perdendo a sexta da ressaca. Mas agora que não tem uma válvulinha de escape eu fico com vontade de fazer tudo menos estudar.

Resumindo: Parece que tirou a droga e o álcool e eu to meio perdida… sem saber o que fazer da vida, saca? Eu tô ficando mais bonita, com a cara boa, não to mais passando mal ao acordar, e tals… mas tipo… to muito esquisita… tipo perdendo a vontade de fazer tudo que fazia antes… que era meio que movido por válvulas de escape atreladas ao uso de álcool e drogas.

Daí eu partilhei exatamente isso que to falando aqui e tal lá na reunião né… e ouvi umas coisas legais lá na reunião tipo que as pessoas passaram por isso também, e que elas foram buscando uma nova maneira de viver, tipo … não sabiam o que gostavam de fazer que não fosse usar drogas e que quando ficaram limpas elas também sentiram essa dificuldade… e que quando se dispuseram a ficar limpas elas foram buscando coisas novas…. por exemplo…. posso fazer uma lista de coisas que eu gosto de fazer… mas até aí eu não vejo um problema… porque beleza… eu sei que gosto de ir ao cinema… ao shopping… cafeteria… museus (exposição de arte), parque…. academia… livraria… biblioteca… viagem…. restaurante…. etc.

Mas tipo … to meio bolada com esse negócio dos estudos … de estar me sentindo com um rendimento inferior ao do ano passado… 😦

Ontem eu peguei Tributário pra estudar e foi foda…. e não era pra ser assim… Além de ter sentido a mesma dificuldade que senti quando peguei Administrativo pela primeira vez. 😦

Assisti 1 aula completa (4 blocos)… quando fui começar a segunda aula (mais 4 blocos) eu desisti.

Já percebi que eu sou muito motivada pelo estímulo externo, no sentido de que quando eu tenho meus encontros com minha coach eu sinto mais vontade de estudar do que quando eu não tenho meus encontros com ela… porque ela me dá gás, me dá força, me dá motivação… sei lá… não sei explicar… Quando eu não tenho isso dela eu acho mais difícil eu me motivar sozinha por mim mesma…

Eu tento conversar com minha mãe pra ver se ela me motiva mas minha mãe me desmotiva. hahahahhahahahah Pq ela é muito velha e não entende nada do que eu falo. Ela nem sabe o que eu tô estudando. Não tem noção de nada…. não se envolve… Eu gosto da minha coach pq ela se envolve com as minhas coisas… ela tá por dentro do que tá acontecendo sabe? Daí dá vontade de fazer cada vez mais e mais coisa… e prestar contas pra ela. E mostrar resultado… mostrar que eu to indo bem…. e tals…. eu me empolgo.

Com minha mãe não rola isso. Não é nem que ela não liga, ou não pergunta… mas é que ela não entende nada do assunto…. não faz ideia da dificuldade das paradas que eu estudo… dos desafios, do que eu tenho que fazer… daí broxa ter que explicar pra ela. Porque o papo não evolui.

Ah mano… a coach é a coach né? hahhahahahahaah

foda.

Tô triste que não vou mais fazer coach. 😦

Ela disse que eu tava pronta pra tocar a vida sozinha… não sei não. XD

quero chorar.

quero fazer coach pra sempre. hauhauahauhauahuahauhauahau

</3

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s