Random thoughts

Vamos analisar minha real situação de estudos, futuro, perspectivas…. da minha realidade no sentido profissional e acadêmico:

Bem, começando, eu não tenho como fazer um Mestrado, um Doutorado, ou uma Especialização fora do país…. porque normalmente elas são muito caras e precisa passar um tempo morando fora…. eu não teria grana pra pagar por esses cursos e não conseguiria deixar minha mãe morando sozinha no Brasil enquanto eu estudo fora por 1 ano… 2 anos.. 6 meses que fossem…

Então, provavelmente eu não terei como ir fazer um Mestrado em Coimbra em Direito Penal… ou um curso de especialização no Instituto Marangoni…. ou ir pra Sorbonne… ou ir pra Itália ou Paris, ou Espanha, ou Portugal…. esse tipo de coisa.

Porque é caro e eu não teria com quem deixar minha mãe.

Então todas as especializações, mestrado, doutorado que eu fosse fazer teriam que ser no Brasil.

Morar fora do Brasil parece ser uma coisa fora de questão pra mim. Mesmo que seja por pouco tempo.

Ok. Então, as minhas opções se reduzem.

Eu posso ir passar as férias na Europa ou nos EUA…. porque é só algumas semanas…. mas logo mais eu teria que voltar pra cuidar da minha mãe.

Então, no sentido profissional e acadêmico eu tenho as opções de seguir as especializações na Moda ou no Direito Penal.

Que são as minhas paixões.

Caso eu optasse pelo Direito Penal, eu poderia fazer a Pós Graduação na PUCRS por exemplo. Depois, faria o Mestrado na USP.

Posso fazer o Mestrado em Direito Penal na própria PUC….

Mestrado e Doutorado em Direito Penal ou é na USP ou na PUC. Ou na RS ou na SP.

Caso eu optasse por unir minhas profissões de Moda e Direito eu poderia concluir a faculdade de Moda, ao mesmo tempo em que eu me especializo em Fashion Law na Santa Marcelina.

Agora, existe Mestrado em Fashion Law?

Ou eu teria que ir agregando à minha formação especializações em outras áreas da Moda?

Porque se eu fosse fazer outras especializações em Moda, que não fosse um Mestrado, eu poderia fazer a pós do IED em marketing e comunicação de Moda e depois o One Year em Fashion Styling.

Me parece mais agradável.

Agora, será que eu tenho cacife/porte/estrutura pra bancar uma carreira na Moda? Ou eu tinha que ser rica? Milionária? Me vestir ultra mega bem? Com as melhores marcas de Moda? Com os últimos gritos da Moda? Tinha que ser fina? Chiquérrima? Patricinha? Rica?

Ou basta eu ter estilo? Saber me vestir bem, mas não necessariamente com roupas caríssimas e os últimos gritos da Moda? E grifes caríssimas?

Claro… se a pessoa é rica e ela ainda por cima tem estilo…. é o ideal… mas se ela num primeiro momento não pode bancar um look milionário …. então ela tem que adaptar à realidade dela…. e aos poucos ir construindo o seu acervo.

Hummmm…… ok.

Acho que o principal é ir com calma… da mesma forma que eu construí minha biblioteca de livros de Direito aos poucos, comprando diversos exemplares e com o tempo eu colecionei diversos títulos, e essa é a matéria-prima do curso de Direito, na Moda as roupas seguem o mesmo padrão: é um investimento para a carreira mas que deve ser feito de forma consciente e paulatinamente, aos pouquinhos, devagar…. para ir construindo a identidade pessoal, nossa marca, a forma como nos apresentamos e evitar assim uma confusão de estilos que não combinam com a gente e excessos de compras desnecessárias. Consumo consciente sempre!

Tá, superada essa questão…. não vejo mais empecilhos sobre qual formação escolher…. Pode ser tanto no Direito Penal quanto no Fashion Law… os dois seguem caminhos distintos e a formação toda é feita no Brasil.

Agora, mercado de trabalho.

Acho mais fácil imaginar o mercado de trabalho no Direito Penal: basta ir me tornando uma advogada criminalista com o tempo… posso me tornar autônoma… posso trabalhar em algum escritório… e ainda posso prestar concurso público, sendo que este último pode ser tanto pra promotoria quanto pra magistratura ou posso meter o louco e prestar pra auditor da receita federal, e nesse caso, nem precisa esquentar tanto a cabeça com tanta formação acadêmica. (basta abrirem esse maldito concurso).

Agora, com o Fashion Law, eu não consigo imaginar muitas possibilidades de trabalho… eu imagino que eu trabalharia mais com Moda do que com Direito propriamente dito… porque eu faria as especializações em Moda.. e acho que no final eu teria feito isso tudo pra acabar sendo Stylist.

Hmmmmm….. talvez eu goste mais de Moda do que de Direito mas as oportunidades de Direito Penal pra trabalho me parecem ser mais vantajosas do que atuando em Fashion Law.

Não sei…. tenho essa impressão…..


Sábado, dia 12 de junho de 2021.

Então… fui procurar me informar sobre as profissões que eu estava almejando após a faculdade de Direito.

Comecei pela carreira de Fashion Law. Pois estava com aquelas ideias de terminar a faculdade de Moda e me especializar em Fashion Law.

Vi um anúncio no facebook de uma semana de aulas gratuitas sobre a carreira de Fashion Law, procurei a pessoa no insta e pedi pra participar do grupo de whatsapp. Aí fui vendo o perfil da pessoa no insta… e vi que essa área é mais voltada pro Direito Empresarial – que eu odeio – em termos de contratos e tem umas peculiaridades de trabalho tipo pra ser “assessora de influencer” (?!) e eu achei a área bem ridícula. Não curti. Não gostei. Não seria algo que eu faria.

Daí tirei isso de vista. Acho que Moda foi algo que ficou no passado mesmo … não tenho pretensão de voltar pra facul de Moda, concluir, ficou pra trás mesmo…. não quero trabalhar com isso nem com nada que tenha a ver com Moda. Nem design.


O meu negócio é o Direito Penal mesmo. Desde o começo da facul era o que eu gostava…. vim fazendo isso ao longo da graduação toda… é o que eu gosto. E é isso que eu quero seguir.

Agora falta eu entender melhor quais são os campos de atuação dentro do Direito Penal, procurar melhor entender a área…. os meios de atuação… me especializar nisso… e trabalhar com isso.

Pra depois não ficar pegando estágio que não tem nada a ver com o que eu quero.

Ou trabalhar com coisas que não tem nada a ver com o meu objetivo.

Tem que focar.

É isso.


Tô feliz com meu TCC embora eu ache que ele tem muita pegada de Direito Digital além do Direito Penal… e eu queria ter feito algo mais Direito Penal raiz.

Daí fiquei meio triste com o tema que estou desenvolvendo… porque ainda não é o que eu queria.

Mas no geral eu acho que está ficando muito bom. Preciso pesquisar mais. E dar um foco bem criminal nessa pesquisa.


E não vou desistir de fazer meu Mestrado na UCoimbra. Vai dar certo. Não sei como mas vai dar.

Minha pós na PUC-RS em Direito Penal e Criminologia e meu Mestrado na UCoimbra.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s