Lara Stone vira capa da i-D!!!

“Oh my God! I think im Sexy!”

Lara Stone, top model alemã que quase desistiu da carreira de modelo após receber tantos nãos mesmo fazendo parte do casting da Elite Models, foi convencida por uma amiga a continuar na batalha do carón é a capa da i-D desse mês.

Ela vem virando sensação desde 2007 quando fez um editorial todo sozinha exibindo as então novas coleçãoes de Dolce & Gabbana, Galliano entre outros na Vogue Paris.
Detalhe: editoral esse assinado por ninguém mais ninguém menos que Mario Testino.
Na época eu fiquei abismada em como que uma menina tão… tão.. esquisita talvez tenha até chamado ela de feia podia estar ali recheando aquelas páginas e de tantas outras revistas mais que andei vendo pelas bancas.

Por mais que a moça tivesse algo que causava uma certa estranhesa, num é que nunca mais tirei ela da cabeça? Aqueles lábios finos, os dentes da frente separados, e uma feição cadavérica isso ficou marcado na minha memória.

Mas aí que mora o poder contestativo da Moda. Onde pode-se questionar desde sempre tudo aquilo que nossos olhos e nossas ideias estão acostumados a ver e a pensar.

De tempos em tempos surge alguma modelo, algum rosto pra fazer a gente se questionar sobre o que é beleza. Devon Aoki é uma que também entra pro hall de beleza exótica. No final das contas, tudo o que é diferente chama atenção, como Agnes Deyn e seus looks ultra estilosos.

Agora chega de papo e filosofias e vamos ao que interessa, fotos da moça:

id_lara
Lara na capa da i-D desse mês.

Logo abaixo, Lara no editorial da Vogue Paris de 2007
– “Glamour D’un Galbe” por Mario Testino.

Brazil’s Next Top Model.

Gente, olá!

Esse é o primeiro post do blog e dou á todos boas vindas!

Aqui, naturalmente, o tema é Moda. Assunto que rende muito pano pra manga, e está presente na nossa vida todos os dias.

Bem, para minha surpresa, a Maíra Vieira foi a vencedora do Brazil’s Next Top Model, programa como vocês sabem, apresentado pela modelo Fernanda Motta, Erika Palomino, Dudu Bertolini, Duda Molinos e que traz sempre convidados pra lá de especiais que fazem parte do ramo da Moda.

A Maíra é realmente uma menina muito bonita, tem um jeito fofo, gente fina, seus olhos são expressivos, arredondados e ela me faz lembrar das pinturas do Mark Ryden. É como se ela fosse uma daquelas bonequinhas que passa um ar de malancolia do artista.

Me confesso surpresa pelo fato de achar que quem ia ganhar o programa fosse ser a loira, que ficou nas “quartas de finais” digamos assim. Achei que ela estava muito segura de si, principalmente depois de fazer o comercial sobre a campanha do câncer de mama ao lado da Fernanda Motta, que obviamente é muito mais bonita e realmente tem porte de top.

Quem surpreendeu ali foi a Malana, que negra poderosa! Meu Deos! O ensaio com o polvo ficou simplismente maravilhoso! ela arrasou!

E pela amor de deus… o que que foi o comportamento da Deyse? Que menina mais barraqueira e mal educada. Gente, a imagem dela ficou péssima e acho que essa atitude pode atrapalhar a carreira de uma pessoa tão novata. Se nova está assim, imagina daqui pra frente?
Sabe o que é o pior? Ela parecia não estar aberta pra aprender. Em um determinado momento, no dia do ensaio com as roupas “de lixo” ela parecia se garantir mais pelo papo usando palavras provavelmente aprendidas ali como “desconstrução” do que pelas fotos em si. Realmente ela parecia Jaspion.
E convenhamos, beleza não é só um rostinho bonito não.

Ok. Então, foto, da grande vencedora do programa Maíra Vieira.

maira-vieirra

Alguns se destacam pelo talento. E pela beleza.